Proteínas do soro do leite (whey protein) também são muito indicadas para mulheres e idosos

Da Redação

mulherginasticaleite.jpg (30 KB)

Muita gente já conhece os benefícios das proteínas do soro do leite (as famosas whey proteins), que frequentemente são associadas a atletas homens e jovens, uma vez que várias pesquisas já demonstraram a capacidade única dessas proteínas para melhorar a composição corporal durante a perda de peso, aumentar a massa muscular combinada com o treinamento de resistência e ajudar na recuperação muscular após exercícios.

O que nem todos sabem é que as proteínas lácteas também trazem grandes benefícios para as mulheres – sem aumento de peso – e para os idosos, como demonstraram novas pesquisas, que estão sendo dvulgadas pelo Conselho de Exportação de Lácteos dos Estados Unidos (USDEC).

Uma delas, publicada na "Nutrition Reviews", fez uma revisão sistemática e meta-análise de 13 ensaios clínicos aleatórios, totalizando cerca de 500 mulheres adultas. Os pesquisadores descobriram que a adição de proteína do soro de leite a uma dieta diária melhorou a composição corporal por aumentos modestos na massa magra sem influenciar as mudanças na massa gorda. Além disso, as melhorias na composição corporal foram ainda maiores durante dietas hipocalóricas, o que sugere que a proteína do soro de leite pode ser especialmente útil para preservar a massa muscular magra durante os períodos de perda de peso.

Outro artigo recentemente publicado no "Advances in Nutrition" comprova o papel da proteína, particularmente o aminoácido leucina, na prevenção da perda muscular relacionada com o avanço da idade. A evidência disponível aponta que a leucina, quando consumida como parte de uma dieta rica em proteínas, pode ser especialmente benéfica para preservar a massa muscular, pois desempenha um papel fundamental na estimulação da síntese de proteína muscular.

Uma das melhores fontes de leucina é justamente a proteína do soro de leite. Com base nas descobertas, os autores recomendam que os indivíduos mais velhos consumam um mínimo de 1,2 gramas de proteína por quilo de peso corporal – quantidade 50% maior que a ingestão atual recomendada para adultos saudáveis. Além disso, aconselham um espaçamento uniforme na ingestão de proteínas ao longo do dia para maximizar a síntese de proteína muscular.

A proteína do soro de leite é um ingrediente versátil, que pode ser adicionado aos alimentos, como smoothies, iogurtes, aveia ou manteigas, como uma maneira conveniente de aumentar o consumo de proteínas ao longo do dia. Para oferecer aos consumidores mais opções, os fabricantes de alimentos estão desenvolvendo produtos inovadores que incorporam as proteínas do soro em vários lanches, como barras nutricionais, misturas de panificação, bebidas e muito mais.

Os estudos podem ser acessados nos links:

Nutrition Reviews

Advances in Nutrition