Público lota evento do #bebamaisleite com Marcio Atalla, em Curitiba/PR

Marcio Atalla em Curitiba.JPG (4.46 MB)

Da redação

Atualização: 15/04/2019

Movimento é a variação espacial de um corpo que se desloca em relação a um referencial. Essa é a definição da ciência física que busca compreender as forças que interferem nesse deslocamento. Na área das ciências biológicas também há estudos
sobre o movimento e a interferência dele na saúde das pessoas. E foi comprovado que o movimento, ou melhor, o não-movimento é responsável por gerar inúmeros riscos à saúde e ao bem-estar da sociedade contemporânea.

Foi por isso que o professor de educação física, com especialização em Treinamento de Alto Rendimento e Nutrição, Marcio Atalla viajou para diversos países, durante 45 dias com a intenção de entender o comportamento humano ao redor do mundo e como o estilo de vida interfere em nossa saúde. Com os recursos tecnológicos amplamente disponíveis atualmente as pessoas estão movimentando menos. Escadas rolantes, elevadores, controles remotos são apenas alguns exemplos desses facilitadores cotidianos. “Há 30, 40 anos a gente conseguia se movimentar diariamente, sem precisar ir a uma academia. Acreditem: pra trocar o canal de televisão você tinha que levantar do sofá”, enfatizou Atalla ao público que lotou o evento realizado em abril no auditório da ExpoUnimed, em Curitiba/PR.

O estilo de vida e o ambiente em que vivemos impactam consideravelmente em nossa saúde. As doenças crônicas não transmissíveis, como a diabetes, câncer e doenças cardiovasculares são responsáveis por mais de 70% de todas as mortes no mundo. “Cerca de 63 mil mortes por câncer seriam evitadas se as pessoas não fossem sedentárias”, destacou o educador. Nos EUA, por exemplo, se nada for feito, crianças de 5 a 9 anos de hoje serão a primeira geração que viverá menos que seus
pais. “É muito importante que se desenvolvam políticas públicas e ações para que as crianças se movimentem”, completou. 

Quando se analisa a espécie humana, apenas os indivíduos que eram aptos ao movimento evoluíram. Quem não fazia movimento sufciente não procriava. Com esse horizonte, Atalla fez a plateia re?etir sobre o estilo de vida atual e propôs mudanças
simples, mas que trazem resultados efetivos. “Criar o habito é o maior desafo para quem quer sair do
 sedentarismo. Simplesmente se mexa, suba escadas, acumule passos, troque as duas horas que você fica sentado por duas horas se movimentando. O ser humano nunca fez movimento por prazer, sempre se movimentou por necessidade”.

Sobre as experiências do exterior, o educador compartilhou alguns dados: em Copenhague, capital da Dinamarca, 77% das pessoas se movimentam de bicicletas. Já em Seul, na Coreia do Sul, o controle da saúde é feito pela educação da alimentação. As porções das refeições coreanas são pequenas, para buscar um equilíbrio de acordo com as necessidades nutricionais das pessoas. Outro modelo de estilo de vida adequado foi encontrado na Finlândia. Lá as escolas incorporaram atividades físicas durante as aulas da grade normal curricular, como Matemática, Geografa, Física. Como resultado, a concentração dos alunos melhorou, assim como a retenção de conteúdo.

Ao fim do evento, após esse choque de realidade, muitos participantes estavam dispostos a mudar o estilo de vida. “A palestra é enriquecedora e nos faz questionar nossa rotina sedentária. Com mudanças pequenas conseguimos ganhar mais qualidade de vida. Amei essas orientações do Atalla”, relata Eliane Dalavale, uma das participantes.

O evento é uma realização do projeto #bebamaisleite e teve o patrocínio da Naturalle e da Tetra Pak. A renda das inscrições foi integralmente revertida em doações de leite para instituições de assistência social.

PARCERIA ENRIQUECEDORA

Marcio Atalla é parceiro do #bebamaisleite desde o início do movimento. Ele contribui para difundir conceitos de saúde e bem-estar e ajudar a desvendar os mitos e verdades que cercam a nutrição e a prática de atividades físicas. Além disso, o profssional coloca em pauta, baseado em dados científcos, os benefícios do consumo de produtos lácteos.

 

Confira o vídeo dos melhores momentos da palestra de Marcio Atalla em Curitiba/PR: